Agrocomputação

 

O Curso Superior de Tecnologia em Agrocomputação do Programa de Formação Profissional Tecnológica (ProfiTec) foi criado e autorizado, conforme os critérios estabelecidos na Resolução Nº 875/2014 – CONSUN/UEMA, de 3 de julho de 2014, para a proposição de criação de cursos novos.

O Tecnólogo em Agrocomputação projeta soluções computacionais para problemas identificados no contexto das ciências agrárias. Aplica e relaciona conceitos de Engenharia De Software, Automação e Ciências Agrárias. Especifica requisitos mínimos de hardware e software para sistemas de agrocomputação. Desenvolve sistemas informatizados para a agricultura de precisão. Gerencia o processo de desenvolvimento de sistemas na área de agrocomputação. Aplica padrões nacionais e internacionais da indústria e do mercado nos sistemas de agrocomputação. Realiza estudos de viabilidade técnica e econômica na área. Avalia o impacto socioambiental de soluções computacionais no ambiente agrário. Aplica agrocomputação para a utilização racional de recursos naturais. Gerencia equipes técnicas na área. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.

Possibilidades futuras: Pós-graduação na área de Agronegócios, Agronomia e Computação, entre outras.

Duração do curso: 3 anos.

Campus de Oferta: Balsas

Estrutura Curricular do Curso Superior de Tecnologia em Agrocomputação